Juliano Rigon e Rodrigo Konig comandam dobradinha do Corinthians na abertura em Daytona

Alexandre Rigon termina em terceiro e coloca os 3 carros do Corinthians no pódio

Começou a temporada 2021 do Automobilismo Virtual e a equipe do Corinthians vence e convence. Na etapa 1 da Indycar Legacy da F1BC, que aconteceu nesta quarta-feira (13), o Timão entrou com 4 pilotos na pista: Alexandre Rigon, Carlos Porto, Juliano Rigon e Rodrigo König, e o final foi melhor que o esperado, trinca Corinthiana no pódio e muita comemoração ao final da corrida.

Rodrigo Konig fez a pole position com o tempo de 38s525, apenas 17 milésimos a frente de Ricardo Pereira, piloto da EG Racing. Juliano largou em 8º, Porto e Alexandre não fizeram uma boa classificação e começaram a prova em 25º e 26º, respectivamente.

Em números, a corrida em Daytona foi um sucesso: dos 33 pilotos que largaram, foram 20 os que receberam a bandeira quadriculada ao final, um índice bem melhor do que nas experiências anteriores. Destes, 17 fecharam na volta do líder e vencedor.

Dois momentos decisivos para o Corinthians foi na primeira bandeira amarela, quando Silvio Sanchez (estrategista) pediu para todos completarem o tanque e trocar pneu, enquanto a maior parte dos carros se mantinham na pista. A estratégia deu certo e na segunda metade da prova, Rodrigo e Juliano não precisaram mais parar, assumindo a liderança. O segundo momento, foi o pedido de calma de Beto Soussa, na última relargada, dando tranquilidade para o trio terminar nas 3 primeiras posições.



“A nossa dupla de estrategistas fez a diferença e o resultado é por conta deles. Nós na pista apenas nos concentramos e usamos da experiência deles. Foi uma prova que mostrou que o Corinthians é completo: bom pilotos e uma equipe de bastidores incrível.” – Comenta Rodrigo.

Juliano completa a entrevista explicando que o time do virtual tem uma gestão profissional e que só tem a crescer. Com apoio da Bread King e Gelo Pop, o time fez novas contratações e vai disputar títulos em todas as categorias.

Final, 61 voltas
1 Juliano Rigon (Corinthians Bread King), 61 Laps
2 Rodrigo Konig (Corinthians Bread King), -00.027
3 Alexandre Rigon (Corinthians Gelo Pop), -00.316
4 Emerson Takashima (Dragon Racing AV), -01.084
5 Raphael Eckert (Independente), -01.222
26 Carlos Porto (Corinthians Bread King), -39 L

Volta mais rápida: Felipe Gomes, 0:37.690

Com nova mídia e site, o Corinthians amplia suas ações no automobilismo. Sigam www.timaoracing.com.br e @timaoracing nas mídias sociais e acompanhem o desempenho do time e dos nossos pilotos. O Corinthians Sim Racing tem patrocínio de Bread King Alimentos, Gelo Pop Chapecó e Agência Hangar 8.